domingo, 10 de março de 2013

João Rosa de Castro - Adeuses


AO CANTOR DA PRAÇA

 

Cantei nesta cadeira – um trono – uma canção novíssima.

Passem as notas de reais para que eu viva.

O chapéu está ali,
Nas mãos de quem não estampa!

João Rosa de Castro - Amor Grátis

BREVE Falsa saudade corrói o peito do homem-criança. Quiçá a casinha, Quiçá a amarelinha, Quiçá virá o inferno ou o céu Como ce...